quarta-feira, 4 de agosto de 2010

A medida certa...

Creio que fui abençoada com um coração meiguíssimo e em contrapartida com um pavio bem curto.

Mais um bela frase da Martha é mais ou menos como a história do patinho, que na superfície aparenta uma tranquilidade quase que de um monge mas ninguém imagina como suas patinhas batem velozmente em baixo da água, se fosse diferente, ele não sairia do lugar não é mesmo...


Hora de parar de pensar e começar a agir , como diria o cara aquele, se quer bem feito, faça você mesmo!Mais uma vez...eu tentei!

2 comentários:

tati_nanda disse...

sempre vale a pena tentar..se não se consegue o que quer, sempre se leva um aprendizado. basta saber absorve-lo.
bjins

C.Enderle disse...

Ai,ai,ai meu Deus! Tu e a Cé com essas meias palavras que deixam a gente com minhocas na cabeça! Se precisar tô aqui pra encorajar o patinho a nadar mais rápido!
beijo e te amo!